O Autor

Em 1993 seguindo a opinião de um amigo da faculdade comprei acções da privatização do Banco Pinto & Sotto Mayor. Na altura não tinha dinheiro, pois era estudante e originário de uma família humilde.

Fiz um empréstimo bancário para poder comprar acções, o que para a minha família, e amigos, na altura, como hoje, foi algo arriscado e estúpido.

A partir deste dia nunca mais parei, já negociei um pouco de tudo, incluindo áreas fora do mercado de finanças tradicionais como as apostas desportivas ou as Hyips. Cheguei inclusivamente a comprar CFDs de bancos americanos falidos durante o início da crise do sub prime nos Estados Unidos da América, escusado será dizer que este foi um dos investimentos que me dei mal, embora a minha ideia fosse boa, fui, tal como todos os investidores do banco em questão, tramados pelo “sistema”.

Não sendo nenhum especialista em finanças tenho a experiência de quem tem investido em muitas coisas diferentes.

Tenho ganho muitas vezes e perdidos outras tantas, o que aqui também é útil pois a maioria dos “conselhos” que ouvimos chegam-nos normalmente de quem nunca experimentou. Neste campo sou expert.

É necessário dizer que também o perfil de investidor é muito importante, pois nem todos têm o perfil para investir, neste caso o melhor é mesmo colocar o dinheiro no banco a 2% ao ano (embora, hoje em dia nem aí as nossas poupanças estejam 100% seguras, que o digam os clientes dos bancos que faliram nos últimos anos).

Algo que também é muito importante é o saber perder. Muitas pessoas podem fazer 9 investimentos e ganhar dinheiro com todos eles. Se ao 10º perderem, desistem de investir. Como digo sempre, é tão importante saber ganhar como saber perder, claro que se aprendermos com os erros quando perdemos, por vezes perder é tão ou mais importante do que ganhar.

Faço este blog no intuito de contribuir com a minha experiência em várias áreas e dar alguns conselhos, bem como ajudar a quem ache a minha opinião válida.

Qualquer dúvida ou sugestão podem entrar em contacto comigo pelo contacto:

E-mail: ruioliveira.pt@gmail.com

Adicionem-me no SKYPE: ruioliveira.pt

Ou pelo Facebook: https://www.facebook.com/RuiOliveira.pt

Podem ainda seguir o BLOGUE via Facebook

8 thoughts on “O Autor”

  1. Hugo Ferreira said:

    Boa noite Rui.
    Acabei de ler todo o seu blog… De fio a pavio.
    Está interessantíssimo e de uma linguagem muito acessível. Parabéns.
    Irei acompanhar uma vez que já subscrevi.

    Abraço.

  2. Ola Rui, fico contente por ti, tb a alguns anos comecei a fazer intraday trade, ganhei uns trocos, agora estou em algo bastante mais rentavel ate ao momento, betfair, sempre minimizando o risco em apostas quase certas, claro que o ganho é marginal nessas apostas, mas como se diz, de grao a grao enche a galinha o papo, e a minha galinha ja encheu varios papos, lol, nao consigo viver so disto mas ajuda para algumas extravagancias como por exemplo Apple Addicted.
    Temos de falar sobre isto um dia. Abraço

    • Boas,

      Eu no meu caso não faço propriamente os investimentos, prefiro que alguém os faça por mim numa base profissional. Em termos de apostas desportivas trabalho com uma empresa que faz surebets. A minha carteira triplicou em 10 meses. Tenho um rendimento mensal em juros na ordem dos 1200 euros, não dá para viver, mas ajuda, e o melhor é que não faço absolutamente nada. Abraço.

  3. Keep the Good Work Rui:)

  4. Agradeço as palavras de incentivo de todos. Espero a participação dos leitores com ideias e conselhos. Esta iniciativa visa demonstrar de que é possível ganhar-se dinheiro de forma rentável e que, ao contrário do que muita gente diz, existem negócios fora das áreas tradicionais, bem mais rentáveis e com a mesma segurança.

  5. Jorge Soares said:

    Parabéns pela iniciativa e espero que neste forum seja um sucesso e que as pessoas que nele participarem, comparticipem com as suas ideias, porque todos juntos seremos melhores.

    Um grande abraço para o amigo

    Rui Oliveira

  6. Concordo com o que disse Rui. Eu ando no mercado desde a primeira fase de privatização da PT e segui todas as outras e a euforismo do “capitalismo popular”.
    Todos ganhavam dinheiro, compravam o Diário Económico e ainda tinham tempo de dar a ordem de compra no banco e que só no dia seguinte estava confirmada…e ainda assim conseguiam ganhar dinheiro. Mas esses tempos já lá vão e hoje parecem-me decadas, mas só passaram cerca de 12 anos!
    Hoje o investidor tem de estar preparado. O mercado já conseguiu sacudir grande parte dos pequenos investidores que por cá andavam na busca dos seus pequenos lucros diários e que terminaram com as suas brutais perdas. Em alguns casos, uma fatalidade, mas conheci vários e eram causas perdidas, não eram investidores, eram jogadores mas dos maus, pois nem as regras do jogo que pretendiam jogar eles conheciam ou queriam tão pouco conhecer. Os institucionais com os novos produtos que foram criando, cfd, warrants conseguiram limpar grande parte do dinheiro que pelo nosso mercado andava. Enfim, um jogo viciado? Talvez!
    O investidor de hoje, tem de ser activo, participativo, capacidade de assumir perdas e uma grande flexibilidade mental, uma disciplina exemplar, uma disponibilidade total, uma grande frieza na execução e capacidade de colocar de parte os seus sentimentos ou opiniões, tem de estar todos os dias a toda e qualquer hora preparado. Conhecem alguém assim? Eu não, pois não existe este ser humano. Do outro lado do ecrãn, na outra ponta da ordem está alguém prontinho para tentar levar o seu dinheiro. Estamos definitivamente na época dos supercomputadores, e por muito que tentemos, eles acabam sempre por levar a melhor! Essa é a razão porque deste de 2004 que defendo a negociação automática, programar as máquinas e deixá-las a trabalhar de forma matemática, ignorando a noticias fabricadas, que noutro tempo traduziam-se em informação e lucros, hoje são desinformação, servem para baralhar, manipular !
    Se quer entrar neste mundo, prepare-se como se fosse travar uma batalha numa Arena dos Gladiadores do Passado, pois estes Gladiadores do presente não esperam que alguém baixe o polegar, não há piedade, não pode pedir desculpa por uma má opção, aqui há apenas Acção-Consequência.
    Crio sistemas de investimento e desde que passei a operar desta forma recuperei a minha vida, sanidade, e comecei a ter resultados positivos consistentes.

  7. Gostei da apresentaçao. Espero que o teu blog tenha um enorme sucesso.
    Cumps

Comente:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s